Zika Vírus: Famílias de bebês com microcefalia têm direito a benefício do INSS!

Um tema levantado e evidenciado no ano passado e nesse ano e que provocou muita curiosidade foi a Microcefalia e por isso nessa matéria será abordada e colocada em questão um ponto: tem direito a algum tipo de benefício do governo quem sofre com esse tipo de doença?

O Governo divulgou que pagará bolsa mensal a famílias de bebes que apresentam a doença denominada microcefalia. A Microcefalia é uma anomalia na qual a cabeça e o cérebro da criança são menores do que as de outras crianças de mesma idade e sexo.

É diagnosticada bem no inicio de vida e com isso afeta o desenvolvimento. Não há cura, mas sim tratamentos que amenizam e proporcionam melhorias para a criança. Pode ser causada por problemas genéticos ou ambientais. O mosquito Aedes aegypti, o mesmo da dengue e da febre chikungunya e é o responsável por transmitir o zika vírus, responsável pela microcefalia em bebês. Saiba mais sobre o Zika Vírus http://zikavirus.net/.

zika-virus-inss

O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome informou no final do mês de janeiro de 2016 que quem for diagnosticado com a microcefalia, podem se inscrever no Benefício de Prestação Continuada (BPC) do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), programa que dá um auxílio mensal de um salário mínimo por mês e só pode recebê-lo quem possuir renda inferior a R$ 220 por pessoa, pago com a exposição do atestado emitido pelo INSS.

Essa medida tem como objetivo, proteção e ajuda as famílias que apresentem casos de crianças com má-formação. Essas crianças precisam de cuidados especiais, e o mínimo que se pode fazer é tentar ajudar essas famílias com um pouco mais de ajuda.

A criança com deficiência passa por uma avaliação de condição de saúde e depois passa a receber o benefício. Para pedir o benefício, é preciso agendar uma perícia no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) pelo telefone 135.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *